Contribuintes já podem enviar a declaração do IRPF 2014

Categoria: Notícias Comentadas Publicado por: Departamento Tributario
Começou nesta quinta, 6 de março, o período de entrega da Declaração do Imposto de Renda 2014. De acordo com o Supervisor Nacional do IR, Joaquim Adir, o sistema está funcionando normalmente desde as 8 horas. O prazo de entrega termina em 30 de abril e são esperadas 27 milhões de declarações.
Novidades
Neste ano os contribuintes que possuem Certificação Digital podem fazer a Declaração Pré-preenchida, com acesso por meio da página da Receita, na área do e-CAC. Essa modalidade de declaração poderá também ser realizada por um representante do contribuinte que possua certificação digital e detenha uma procuração eletrônica registrada na Receita.
A declaração pode também, a partir de hoje, ser feita pela modalidade do m-IRPF, por meio da qual as declarações poderão ser elaboradas em Tablets e Smartphones conectados à Internet. Esta modalidade também passou por melhorias neste ano, passando a contar com novas funcionalidades, como a possibilidade de se declarar dívidas e ônus reais, imposto pago, rendimentos recebidos de pessoa física, rendimentos isentos e rendimentos com tributação exclusiva. Será possível também a importação dos dados da declaração de 2013.
Há também novas funcionalidades no Programa Gerador de Declaração, aquele usado há anos para preenchimento de declaração em computadores comuns. Entre elas estão a importação de informe de rendimentos de fontes pagadoras, informe dos planos de saúde e o Comunicado da Condição de Não Residente.
Todas as informações sobre a declaração do IRPF 2014 estão disponíveis no link http://www.receita.fazenda.gov.br/PessoaFisica/IRPF/2014/default.htm (fonte: Site da RFB)
O Cerqueira Leite Advogados Associados possui profissionais qualificados que podem dar todo o suporte na revisão ou preenchimento da declaração de imposto de renda da pessoa física dos diretores e gestores de sua empresa.
A entrega de uma declaração consistente e coerente com a movimentação patrimonial apresentada durante o último ano calendário evita questionamentos por parte da RFB, retenção na malha fina e cobrança de impostos, com correspondentes multas e juros.
Colocamo-nos à disposição para auxiliá-los na revisão ou preenchimento da declaração, que tem por intuito encaminhar informações econômicas à RFB, em consonância com a movimentação patrimonial e financeira apresentada pela pessoa física durante o ano calendário de 2013.