Atraso de precatórios é ‘problema brasileiro’, diz ministro do STJ

Por Marcelo Galli
O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Paulo de Tarso Sanseverino, ao afirmar nesta quinta-feira (20/8) ser um “problema brasileiro” o atraso do poder público no pagamento de precatórios, contou um episódio protagonizado pelo ministro aposentado Sidnei Beneti a respeito do tema.
Sanseverino diz que Beneti estava em um evento na Alemanha e perguntou a um magistrado alemão como era resolvido o pagamento dos precatórios no país. O alemão não estava entendendo a razão da pergunta e o ministro teve que repeti-la outra vez.
Permanecendo a incompreensão, perguntou como o poder público alemão pagava as suas dívidas em caso de decisão judicial. “Igual a qualquer cidadão. Foi condenado judicialmente, transitou em julgado, verifica qual é o valor e faz o pagamento”, respondeu o alemão, acrescentando que não havia distinção. “O precatório é um instituto brasileiro”, disse Sanseverino, revelando que tem há 20 anos um crédito para receber por causa de diferenças salariais da época que era juiz de primeiro grau.
http://www.conjur.com.br/2015-ago-21/atraso-precatorios-problema-brasileiro-ministro